O Sinpro Campinas e Região convoca os professores da Educação Superior para uma assembleia no dia 20 de abril, próxima quinta-feira, às 17h30, para discutir a contraproposta patronal de reajuste salarial e demais cláusulas. Será na sede do Sindicato, à Avenida Profª Ana Maria Silvestre Adade, 100, Parque das Universidades, Campinas

Acordo por dois anos já está garantido
As negociações da Campanha Salarial 2017 de professores e auxiliares administrativos na Educação Superior privada em São Paulo deram um avanço significativo. Na rodada do dia 10, a comissão de negociação obteve o compromisso dos representantes do sindicato patronal pela assinatura de um acordo de dois anos – até fevereiro de 2019!

O acordo de dois é bandeira principal de professores e auxiliares nesta campanha. É um seguro antirreformas trabalhistas: venha o que vier, mesmo com a turbulência política e econômica no País, teremos nossas principais cláusulas garantidas.

Esse compromisso não veio na moleza. Antecipamos nossa campanha este ano. Já na primeira assembleia da categoria, em novembro, chamamos o setor patronal às negociações ainda em dezembro. De lá para cá, tivemos várias sessões de negociação, quando os representantes das Instituições de ensino inovaram, apresentando sua própria pauta de reivindicações: de cortes de direitos e pedindo um acordo ‘flexível’. Respondemos que ‘acordo flexível’ não é acordo e insistimos, com movimentação nas escolas e reuniões no Sindicato. Em nossa última assembleia, em 25 de março, os professores rejeitaram a proposta patronal e indicaram a possibilidade de greve.

Essa movimentação deu resultado. Mas a campanha ainda não terminou. Precisamos agora discutir e deliberar sobre proposta de reajuste salarial e demais cláusulas em discussão.

Professora, professor, compareça à assembleia desta quinta-feira.

Fonte: Sinpro Campinas e Região/ com informações da Fepesp

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *